gototop
SEMOB
FacebookTwitterFlickrFeed
Quinta, 13 Julho 2017

Servidores do Palácio do Buriti e do anexo ganham bicicletário

  Agência Brasília
Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Há espaço para 32 veículos. Governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, inaugurou a estrutura nesta quarta-feira (12)

Com o objetivo de melhorar a mobilidade urbana, o Palácio do Buriti abriu a garagem para que servidores do governo de Brasília que trabalham no local ou no anexo possam estacionar bicicletas. Com capacidade para 32 veículos, o bicicletário foi inaugurado nesta quarta-feira (12) pelo governador Rodrigo Rollemberg.

“É um passo importante na mobilidade sustentável, garantindo um espaço adequado para que as pessoas possam deixar suas bicicletas para poder trabalhar. É um avanço em direção a uma mobilidade moderna”, disse o governador, acompanhado da esposa, Márcia Rollemberg.

Quem optar pela bicicleta para ir ao trabalho terá à disposição banheiros (um masculino e um feminino) com chuveiro. O projeto foi encabeçado pela Casa Militar, responsável pela administração do palácio.

“A depender da demanda, há a possibilidade de abrir para todo o complexo do Buriti, que envolveria os servidores da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap) e da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, por exemplo”, informou chefe da Casa Militar, coronel Cláudio Ribas.

Ribas ainda contou que o espaço estava inutilizado e que a instalação do bicicletário não acarretou custos para o governo. “As barras foram doação pela Agência de Fiscalização (Agefis), e as tintas estavam em depósitos.”

Como usar o bicicletário do Palácio do Buriti

Um dos servidores que vai se beneficiar com a novidade é Carlos André da Silva, que começou a usar a bicicleta para ir ao Palácio do Buriti há um ano. Ele mora em Arniqueiras, na região administrativa de Águas Claras, e pedala quase 20 quilômetros por dia para fazer o percurso.

O bicicletário faz parte das ações do Circula Brasília, que tem como objetivo integrar a rede cicloviária com o transporte público

Para Carlos, o uso do veículo ainda permite momentos de lazer. “Eu saio do trabalho às 18 horas, horário de rush. Então vou ao Parque da Cidade, onde pedalo um pouco até aliviar o trânsito para voltar para casa.”

O servidor interessado em usar o espaço deverá fazer um cadastro na Coordenação do Palácio do Buriti, no subsolo do prédio. É necessário levar um documento com foto e o crachá de trabalho.

O bicicletário faz parte das ações do Circula Brasília, que tem como objetivo integrar a rede cicloviária com o transporte público. O Palácio do Buriti fica na Via N1 do Eixo Monumental, que tem 14 quilômetros de ciclovia.

VOCÊ ESTÁ AQUI: Início Comunicação Notícias Servidores do Palácio do Buriti e do anexo ganham bicicletário